sábado, 9 de julho de 2011

o fim?

Eu sou o porco obsceno
mais sincero que vai
passar pela tua vida.
Eu vou te olhar
de cima  a baixo.

Como um parafuso em transe

Como as cabras transam

Como um mastodonte senil
isolado da manada
e conformado
com a imensidão da morte
e com a desesperança da finitude.

2 comentários:

  1. curti. sinceridade e brevidade são navalhas até aos mais conformados.

    ResponderExcluir